Liberdade de imprensa é a base da democracia

9

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo e Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) acompanham com preocupação a escalada de ataques judiciais contra jornalistas, fato que atenta contra a liberdade de imprensa.

O jornalismo como compreendemos se pauta por princípios éticos e rigorosa apuração dos fatos sem se curvar a interesses financeiros, preferências políticas ideológicas ou qualquer forma de constrangimento que alije a sociedade de seu direito de ser bem informada. Um jornalismo sério e independente é a base da democracia e isso só se faz com liberdade de imprensa e independência de jornalistas para exercer sua profissão.

Qualquer cidadão que se julgue vítima de informação mentirosa ou caluniosa tem o direito de acessar os meios jurídicos para se proteger. No entanto, quando o poder judiciário se torna um instrumento de perseguição ao exercício da liberdade de imprensa, estamos diante de um sombrio cenário que ataca não apenas profissionais de imprensa, mas a própria democracia.

Decisões juridicamente contestáveis que impõem desproporcionais multas financeiras, ordem de prisão, censura a matérias e órgãos de imprensa merecem nosso total repúdio, atentam contra a liberdade de expressão e transformam parte do Judiciário em agente político a serviço da escalada do autoritarismo antidemocrático.

São Paulo, 23 de dezembro de 2020.

Sindicato dos Jornalistas no Estado de São Paulo.

Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ.