Nota de repúdio a novos ataques de apoiadores de Bolsonaro contra jornalistas

39

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal (SJPDF) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) repudiam os novos ataques contra jornalistas ocorridos nesta segunda-feira (25) no Palácio da Alvorada e na Esplanada dos Ministérios. Apoiadores do presidente da República Jair Bolsonaro xingaram os profissionais e chegaram a se aproximar de algumas equipes ao gritos, sem máscara.

Consideramos que a escalada de violência está diretamente relacionada com a postura adotada pelo presidente contra a imprensa e, por isso, reivindicamos que as empresas de comunicação tomem medidas urgentes. Tanto no sentido de garantir a segurança dos jornalistas, quanto de tomar as medidas jurídicas cabíveis. Já fizemos esse apelo reiteradas vezes e acreditamos que a empresas devem reavaliar a continuidade da cobertura presencial, até que a segurança esteja garantida.

O Sindicato irá novamente cobrar ações de proteção aos profissionais por parte da Secretaria de Comunicação e do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, responsável pela vigilância no Alvorada, e por parte da Polícia Militar do DF, responsável pela segurança na Esplanada. Renovamos nosso apelo para que o Governo do Distrito Federal atue no sentido de combater aglomerações e punir com multa as pessoas que transitam sem o uso de máscara, conforme lei em vigor. Também solicitamos providências por parte do Ministério Público.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal
Federação Nacional dos Jornalistas