Jornalista é ameaçado por pastor foragido da justiça

Jornalista é ameaçado por pastor foragido da justiça

411

Repórter do jornal Tribuna do Planalto, de Goiânia, o jornalista Yago Sales sofre ameaças do foragido Daniel Batista de Moraes, conhecido como “pastor Daniel”, após a publicação da matéria “Foragido da justiça, pastor explora usuários de drogas em recuperação“. Na matéria Daniel é denunciado pela exploração de mão de obra de dependentes químicos na venda de kits de balas em  ônibus, rotina de semiescravidão e violação aos Direitos Humanos.

Na reportagem  publicada recentemente, após 4 meses de investigações, Yago revelou, juntamente com a jornalista Daniela Martins, que Daniel Batista de Moraes explorava internos da clínica de recuperação “Resgatando vidas” para a venda de doces em coletivos. Moraes é foragido da Justiça desde 2012, quando foi condenado a 9 anos de prisão por homicídio. A reportagem investigou, também, a atuação de agentes da Guarda Civil da cidade de Aparecida de Goiânia em prol de interesses do pastor.

Por conta das denúncias, Moraes enviou áudios ameaçando Yago Sales e o ex-diretor da casa de recuperação Resgatando Vidas, Reinaldo Rodrigues de Camargo. O jornalista registrou Boletim de Ocorrência na polícia, que investiga o caso.

A presidente da FENAJ, Maria José Braga, solidarizou-se com o jornalista e colocou a entidade à sua disposição. “Vamos, junto com o Sindicato de Jornalistas de Goiás, pedir providências ao Secretário de Segurança Pública”, disse.