FENAJ denuncia demissões arbitrárias e práticas antissindicais em Santos

388

demissoes_tribuna_internaA Federação Nacional dos Jornalistas se solidariza com os cerca de 30 trabalhadores demitidos do jornal A Tribuna de Santos, entre eles, 7 jornalistas, sendo dois dirigentes do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo; o coordenador Regional, Glauco Braga, e o dirigente de base, Reynaldo Salgado.

A Federação repudia esta prática e estranha isto acontecer exatamente no momento em que a categoria está em plena campanha salarial e as empresas, mesmo beneficiárias de desoneração da folha de pagamentos, apresentam proposta muito abaixo da inflação do período e ainda seguem praticando demissões em massa, inclusive de dirigentes sindicais.

Estaremos juntos nesta batalha para reverter as demissões, juntamente com o Sindicato de São Paulo e também não mediremos esforços para ajudar na negociação da Campanha Salarial, porque esta ação se caracteriza como uma tentativa de intimidar os trabalhadores e a entidade sindical.

Não às demissões, à precarização das relações de trabalho e às práticas antissindicais!

Brasília, 08 de julho de 2015.

Federação Nacional dos Jornalistas