FENAJ repudia censura privada do YouTube à TV 247

90

A Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) vem a público denunciar e repudiar a censura privada do YouTube à TV 247. Nesta quarta-feira, 10, a plataforma de divulgação de videos removeu 15 vídeos da TV 247, alegando suposto “discurso de ódio”.

A FENAJ reafirma o papel imprescindível do jornalismo e dos jornalistas no combate à desinformação, à difusão de informações falsas e fraudulentas e à disseminação dos discursos de ódio.

Por isso, solidariza-se com a equipe da TV 247, ao mesmo tempo em que exorta o YouTube a suspender o ato de censura, habilitando novamente os vídeos para o acesso público.

Brasília, 10 de agosto de 2022.

Federação Nacional dos Jornalistas – FENAJ.