Presidenta da FENAJ fala sobre ataques de Bolsonaro à imprensa

12

Em entrevista exclusiva ao Socialismo Criativo, a presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Maria José Braga, credita o aumento da violência contra jornalistas à ascensão de Jair Bolsonaro (sem partido) à Presidência da República e ao crescimento do bolsonarismo.

Em 2020, por exemplo, em pleno ano da chegada da pandemia provocada pelo coronavírus, quando o jornalismo foi considerado atividade essencial no país e no mundo, o Brasil registrou uma explosão de casos de violência contra esses profissionais, especialmente, impulsionados pelo presidente. Enquanto isso, a categoria se desdobrou, muitas vezes em condições precárias, em busca da informação responsável para relatar o avanço da doença.

Confira a entrevista exclusiva