Sinjoper garante uma vaga para jornalista em concurso da Assembleia.

358

Uma articulação do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Roraima (Sinjoper) junto à Assembleia Legislativa do Estado de Roraima culminou com a garantia de pelo menos uma vaga no concurso público da assembleia , que deverá ser lançado ainda esta semana.

Apesar da ALERR ter uma Superintendência de Comunicação, uma televisão e informativos impressos, não estava prevista nenhuma vaga para a categoria dos jornalistas, o que provocou a reação do sindicato na busca pela garantia dos direitos dos profissionais da área.

Na manhã da última segunda-feira, dia 13, a vice-presidente do Sinjoper, Adriana Cruz, participou da última reunião da Comissão Organizadora do certame, na qual fez uma exposição de motivos e a necessidade de acrescentar pelo menos uma vaga para a categoria.

“Já havíamos levado a nossa solicitação para inclusão da vaga de jornalista no concurso e esse pleito foi atendido agora. Foi publicada a vacância do cargo de jornalista com a aposentadoria da colega Márcia Seixas e a vaga imediatamente incluída no edital do concurso. Agradecemos o empenho do procurador-geral da Casa, Andreive Ribeiro, e do próprio presidente Jalser Renier, que prontamente entendeu a necessidade e atendeu nosso pleito”, explicou Adriana Cruz.

Concurso

O Concurso vai oferecer 33 vagas, das quais 10 serão destinadas a cargos de nível médio e 23 a cargos de nível superior. O salário bruto inicial varia de R$ 3.218,50 a R$ 7.903,10.

Para os cargos de nível médio, serão ofertadas vagas de assistente legislativo e taquígrafo, com salário inicial bruto de R$ 3.218,50.

Para cargos de nível superior são ofertadas vagas para tradutor (Inglês), revisor, psicólogo, enfermeiro, economista, contador, assessor técnico legislativo, analista de sistemas e administrador e também para jornalista. O salário inicial bruto é de R$ 6.079,31, exceto para procurador, que será de R$ 7.903,10.

Fonte: Sinjoper.