Com criatividade e bom humor, jornalistas caem na folia

242
carnavalceAbram alas, que os alegres colegas de imprensa querem passar, ou melhor, já estão “passando”. No RJ e CE, o período pré-carnaval foi repleto de agitos. E muito mais está programado para o período em que o Brasil praticamente pára e curte as festas momescas. Mesmo não sendo experts em “dizer no pé” e no requebrado, os jornalistas prometem fazer, em vários estados, desfiles memoráveis.

“No Carnaval do caos aéreo, o passaralho vai decolar” foi o samba enredo do bloco “Imprensa que Eu Gamo”, dos jornalistas do Rio de Janeiro, que realizou seu “desfile oficial” no dia 3 de fevereiro pelo bairro de Laranjeiras. Arrastando uma multidão avaliada em 10 mil pessoas, o desfile incorporou lutas da categoria como a campanha salarial dos jornalistas cariocas e a defesa do diploma. O Sindicato dos Jornalistas do Município do Rio de Janeiro distribuiu bandanas com as inscrições “Tira a mão do meu canudo”, “Jornalistas por formação: Bom para a sociedade, Bom para o Jornalismo”. O material está sendo disponibilizado para os sindicatos de outros estados.

Já em Niterói, o bloco “Filhos da Pauta” prepara uma homenagem bem humorada ao público feminino e ao clima dos antigos carnavais. O desfile será no dia 17 de fevereiro, no centro da cidade, com concentração às 15h, na Rua José Clemente, em frente à estação das barcas. A camiseta do Filhos da Pauta, assinada pelo artista Helio Branco, pode ser reservada no endereço divulgacultura@gmail.com , com o jornalista Renato Guima. Com o enredo “Às Filhas da Pauta – Para Cantar as Mulheres do Brasil”, o bloco desfilará com clássicos de Mário Lago e Braguinha, além da Marcha das Funkeiras.

Matando a pau…ta
Os jornalistas cearenses se despediram, no dia 10 de fevereiro, de sua agenda de quatro eventos pré-carnavalescos no centro de Fortaleza. Animado pela banda Camburão e com camisetas, estandartes, perucas, entre outros adereços, o bloco “Matou a pau…ta” desfilou por um “enorme” percurso de 272 metros e ainda teve gás para um “bailinho”no terraço da Associação Cearense de Imprensa. Seu próximo “compromisso” é no dia 17, sábado de Carnaval, a partir das 17 horas, com concentração na esquina da Avenida Domingos Olímpio com a Rua Solon Pinheiro.

Entre frevos e maracatus, os jornalistas de Pernambuco se esquentam para o desfile do tradicional bloco “Siri na Lata”, que animará as folias com o enredo “Cadê minha Bolsa Família”. Após o baile realizado no dia 9, no Clube Português, o desfile do “Siri na Lata” será dia 18 de fevereiro, no bairro Recife.

Desfile oficial e gastronomia em Tocantins
Outro “Filhos da Pauta”, o da imprensa tocantinense, será um dos blocos a abrir a programação oficial do Carnaval de Palmas, que terá atividades de 16 a 20 de fevereiro. Além do desfile, o bloco terá um camarote estrategicamente situado no centro do circuito de festas do Sambódromo, com banda para animar os jornalistas foliões todas as tardes de carnaval e reforçado por uma gastronomia, com diversificado cardápio de comida caseira que inclui caldos, churrasquinho e tira-gosto, entre outros. Os interessados podem fazer suas reservas na sede do Sindicato dos Jornalistas do Tocantins (104 Norte, Rua NE 9, Lote 17, Sala 3), ou pelos telefones (63) 32157268 e 99641308.

Galinhada compõe o “esquenta” em SC
No dia 3 de fevereiro o bloco “PaUTA QUE PARIU”, dos jornalistas catarinenses, realizou seu segundo evento de “aquecimento” para o carnaval, na área continental de Florianópolis, com uma galinhada para os participantes. Os organizadores do desfile do bloco, que ocorrerá no dia 18 de fevereiro, informam que o local de concentração foi alterado. Será no Penhasco Casa de Eventos, localizado na rua Profª Maria Júlia Franco, 610, no bairro Prainha. Os interessados em participar das atividades devem adquirir a camiseta na sede do Sindicato dos Jornalistas/SC.