Nota de Repúdio

12

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Roraima (Sinjoper) e a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) repudiam veementemente o ataque sofrido pelos jornalistas Felipe Medeiros e William Kermes da Rede Amazônica, na manhã da última terça-feira (20) quando, no legítimo exercício da profissão e ao tentar colher imagens para cumprir pauta jornalística, foram vítimas de crime de injúria com agressão verbal por um funcionário do senador licenciado Chico Rodrigues, que os atacou moral e fisicamente, com cuspes e xingamentos, para impedir a reportagem.

O jornalista registrou boletim de ocorrência relatando o ocorrido e aguarda posicionamento das autoridades. O Sinjoper e a FENAJ esperam das autoridades policiais a devida apuração da agressão e as medidas legais cabíveis para que atos de agressão e desrespeito ao exercício da atividade profissional dos jornalistas, assim como ataques à liberdade de expressão e de imprensa, não fiquem impune.

Qualquer tentativa de impedir o trabalho dos jornalistas é um ataque ao direito da sociedade ao acesso às informações de interesse público.

O Sinjoper e a Fenaj se solidarizam com as vítimas da agressão e continuam vigilantes para repudiar e denunciar quaisquer ataques, violência e agressões contra jornalistas no exercício da atividade profissional, bem como preservar a liberdade de expressão e a democracia.


As Diretorias
SINJOPER / FENAJ