Sindicato repudia agressão ao repórter fotográfico Marcello Almo

1695

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro lamenta e repudia a covarde agressão sofrida pelo repórter fotográfico Marcello Almo, do jornal A Tribuna, de Niterói, hoje pela manhã, dia 22 de maio de 2018,  por guardas municipais, durante uma manifestação de professores, no Caminho Niemeyer, no centro de Niterói.

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro se manifesta, abomina e  pede urgentes  providências das autoridades públicas contra  atitudes policiais desequilibradas e destemperadas que atingiram  o jornalista Marcello Almo,no seu pleno,  livre e constitucional direito do exercício jornalístico.

O Sindicato se posiciona rigorosamente contra qualquer tentativa de impedimento à liberdade de imprensa e repugna qualquer ameaça aos profissionais da Comunicação. Os jornalistas trabalham para levar as informações dos fatos  à sociedade e não podem ser impedidos, agredidos e censurados no exercício da profissão.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro.